coluna

Louise Barsi explica como viver de dividendos seguindo o Jeito Barsi de investir

Santa Catarina libera entrada de carne in natura do RS

A Secretaria da Agricultura de Santa Catarina liberou nesta sexta-feira a entrada de carnes de aves in natura, produtos à base de carne, e ovos comerciais do Rio Grande do Sul. A medida representa a quarta revisão das regras adotadas pelo Estado após a descoberta de um foco de Newcastle em Vale Real (RS). A entrada de aves vivas - exceto as de um dia, com origem em estabelecimentos registrados no Ministério da Agricultura - continua proibida. O presidente da Compania Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc), Hamilton Farias, disse que ainda há exames de amostras coletadas na área próxima ao foco sendo processados no Laboratório Nacional Agropecuário de Campinas (SP) e as regras serão flexibilizadas conforme o avanço dos resultados. Santa Catarina também criou um novo corredor sanitário para a passagem de produtos autorizados, que agora podem usar a BR 158, em Palmitos, até a BR 163, com saída em Dionísio Cerqueira. As medidas foram definidas em instrução normativa da Cidasc, que mantém o embargo à produção procedente da área de vigilância em Vale Real, formada também pelos municípios de Feliz, Farroupilha, Alto Feliz e Caxias do Sul. O último registro de Newcastle em Santa Catarina foi em 1984. O caso de Vale Real, onde doença atingiu uma criação de frangos de subsistência, foi comunicado no dia 5 de julho.

Agencia Estado,

18 de agosto de 2006 | 16h12

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.