Santander deve fechar unidades em Paris, Milão e Frankfurt

O Santander Central Hispano pretende reduzir suas operações de corretagem na Europa e deve fechar suas unidades corretoras em Paris, Milão e Frankfurt, segundo fonte. Cerca de 70 pessoas devem ser demitidas no processo e algumas transferidas para outras áreas. "A idéia é centralizar as operações européias de corretagem nas praças de Madri e Lisboa", disse a fonte. A assessoria do banco não se manifestou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.