Santander venderá ações da Visanet e Serasa à Santusa Holdings

Procedimento do banco espanhol faz parte da estratégia de reorganização societária no Brasil

AE,

21 de setembro de 2009 | 10h02

O Santander aprovou a venda das ações que possui em cinco empresas: Visanet, Companhia Brasileira de Soluções e Serviços, Serasa, Tecnologia Bancária S.A. e Visa. As participações serão vendidas para a Santusa Holdings, empresa que integra o Grupo Santander. O procedimento faz parte da estratégia de reorganização societária no País, informa o banco, em fato relevante. O ganho de capital com a venda das ações foi estimado em R$ 2,1 bilhões, antes de impostos.

 

O ganho, porém, deve ser compensado pelo registro de despesas na conta de resultados do terceiro trimestre, no valor de R$ 2,3 bilhões, também antes de impostos. De acordo com o Santander, as despesas são referentes ao reforço da provisão adicional para devedores duvidosos, provisão de gastos relacionadas à integração do ABN AMRO Real e amortização de parcela dos direitos por aquisição de folhas de pagamento, registrados em conta de ativo intangível.

Tudo o que sabemos sobre:
SantanderVisanetSerasa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.