São 231 jeans feitos por minuto

O Brás é um bairro central de São Paulo espalhado por 55 ruas. Ao todo, ocupam a região cerca de 20 colônias. Os mais tradicionais são os nordestinos, os italianos e os gregos, mas também há coreanos e chineses.A clientela que busca preços baixos também é bem variada. A região recebe compradores, principalmente atacadistas, de todas as regiões do Brasil, além de visitantes da América Latina e África que procuram uma das 5 mil lojas, fora os camelôs que ocupam o bairro. Eles chegam de carro, avião e principalmente em ônibus de excursão. Na época do Natal são veículos diariamente.Além de vender moda popular, os comerciantes da região fabricam roupas. São pequenas confecções, algumas de fundo de quintal, que engrossam os números do Brás. Ao todo, são quatro mil fabricantes que abastecem o mercado nacional e países como Espanha, Estados Unidos, México, Canadá e Itália. Mais recentemente, os fabricantes locais de moda praia conquistaram o mercado caribenho.O faturamento anual do bairro chega a R$ 8,5 bilhões. Para dar conta de tanto movimento é preciso reforçar a mão-de-obra. São 150 mil empregos diretos e 250 mil indiretos.Um dos destaques da região é a produção roupas em jeans. Ao todo saem das máquinas de costura 10 milhões de peças por mês, o equivalente a 231 unidades por minuto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.