Se errou, faça declaração retificadora

Se perceber erros na declaração entregue, o contribuinte deve enviar uma versão retificadora. Para tanto, deve abrir sua declaração original (a enviada) e informar na ficha de identificação (a primeira que se abre no programa) que se trata de declaração retificadora. A partir do envio, o número de recibo que valerá será o da entrega da retificadora.Se a retificadora for feita até 30 de abril (prazo final de entrega), o contribuinte poderá alterar o modelo (de simplificado para completo ou de completo para simplificado). Para retificadoras entregues após 30 de abril, a Receita não permite troca de modelo. A entrega de uma retificadora não necessariamente atrasa a restituição, em especial se for feita em prazo curto, logo após o envio da primeira declaração. Segundo a Receita, passa a valer como data de entrega o dia em que seguiu a retificadora.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.