Foto : Reinaldo Canato / Ricardo Yoithi Matsukawa-ME/Sebrae - SP
Foto : Reinaldo Canato / Ricardo Yoithi Matsukawa-ME/Sebrae - SP

Sebrae e Governo de São Paulo oferecem juro zero para microempreendedores

Programa Juro Zero Empreendedor oferece empréstimos de até R$ 20 mil para a categoria

Jornal de Negócios do Sebrae/SP, O Estado de S.Paulo

12 Julho 2018 | 18h00

Os Microempreendedores Individuais (MEIs) do Estado de São Paulo que estão em busca de crédito para investir na melhoria ou na ampliação dos seus negócios têm a oportunidade de obter empréstimo sem juros por meio do programa Juro Zero Empreendedor, uma parceria entre o Sebrae-SP e a DesenvolveSP, agência de fomento do Estado de São Paulo.

Com esse programa, que prevê empréstimos de R$ 1 mil a R$ 20 mil, o MEI não precisa de avalista, tem seis meses de carência e até 36 meses para pagar. Os recursos podem ser utilizados para compra de máquinas, equipamentos, mercadorias e capital de giro produtivo.

O acesso ao crédito é exclusivo para aqueles MEIs que concluírem um curso dentro do programa Super MEI, que oferece 50 mil vagas gratuitas em diversas opções de capacitação técnica no Estado de São Paulo. São opções que abrangem formação inicial dentro de áreas como construção civil, alimentos e bebidas, beleza e setor automotivo, entre outras.

Até o momento, cerca de 270 MEIs de todo o Estado já foram beneficiados com o programa Juro Zero Empreendedor. Uma das contempladas foi a empresária Beatriz Romagnoli, que, após um longo período trabalhando como designer gráfica em grandes empresas, criou a Canecas Mania e Muito Mais, que faz brindes e souvenirs.

Para aumentar a produção da sua empresa, Beatriz solicitou um crédito de R$ 4 mil do programa Juro Zero para investir na compra de uma impressora e uma plotter de recorte para melhorar a qualidade dos trabalhos, além de utilizar parte do dinheiro para adquirir um pouco mais de estoque. Hoje, ela já consegue medir o resultado do investimento, com aumento de 25% nas vendas de seus produtos.

“A impressora nova ajudou na questão da velocidade. Ela é quase três vezes mais rápida que a anterior. Já com a plotter de recorte eu deixei de fazer muitas coisas manualmente e aumentei a gama de produtos. Se não tivesse adquirido essas ferramentas não conseguiria atender à demanda crescente e, consequentemente, aumentar os lucros”, comemora a empreendedora.

Saiba como solicitar o crédito sem juros

Acesse o site http://jurozero.sebraesp.com.br e faça o seu cadastro.

Depois disso, procure o Escritório Regional do SebraeSP mais próximo para iniciar o plano de negócios. Com ele em mãos, o consultor que o atendeu vai visitar o seu negócio para avaliar a solicitação.

Se o seu plano de negócios for aprovado, o crédito será liberado.

REGRAS

- O MEI precisa ter concluído um curso do programa Super MEI.

- Solicitação de crédito sujeita à análise do plano de negócios e consulta de restrições cadastrais (não pode ter restrições no CNPJ e no CPF do titular).

- O benefício juro zero será concedido exclusivamente para parcelas pagas até o vencimento. Em caso de atraso, haverá cobrança de multa de 2%, mais juros equivalentes a TJLP ao mês.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.