Secretário de Agricultura argentino pede demissão

O secretário de Agricultura, Pecuária, Pesca e Alimentos da Argentina, Miguel Campos, renunciou ao seu cargo após vários meses de uma relação difícil entre o governo e os produtores agropecuários.Fontes oficiais informaram que Campos será substituído por Javier de Urquiza, que é o subsecretário de Agricultura.As fontes acrescentaram que Campos pediu demissão por "motivos funcionais", sem esclarecer o significado ou o conteúdo da expressão.Campos tinha assumido a Secretaria de Agricultura em maio de 2003. Desde então, teve vários confrontos com as principais entidades agropecuárias da Argentina.Nos últimos meses, o governo de Néstor Kirchner enfrentou duas greves comerciais realizadas por produtores agropecuários de todo o país, em protesto contra a intervenção estatal nos mercados de milho e trigo e as restrições para exportar carne bovina.Em abril de 2006, Campos foi processado pela Justiça argentina por supostas irregularidades na concessão de quotas para a exportação de carne bovina à União Européia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.