Secretário de Agricultura tenta estimular uso da gasolina

Como tentativa de estimular o consumo de gasolina, o secretário da Agricultura do Estado de São Paulo - maior região produtora de álcool do mundo -, Antonio Duarte Nogueira Júnior, afirmou, nesta sexta-feira, que prefere este combustível ao álcool em seu veículo flex fuel, e defendeu o abastecimento com o derivado do petróleo durante a entressafra. "Eu estou colocando gasolina no meu carro e quem tem carro flex, e a opção, também deveria colocar", afirmou Nogueira. De acordo com ele, o fato de os preços do álcool dispararem na entressafra e de haver uma relação custo-benefício favorável à gasolina torna inviável o uso do combustível feito a partir da cana-de-açúcar. "É uma questão puramente de mercado", explicou Nogueira, que participou em Bebedouro do lançamento do Projeto de Renovação de Pomares Cítricos. Na região paulista, que já foi maior produtora de laranja do País, a cana-de-açúcar avançou sobre os pomares e hoje as duas culturas dividem a agricultura local. FinanciamentoDe acordo com o projeto da Secretaria da Agricultura do Estado de São Paulo, serão destinados inicialmente R$ 6 milhões para o financiamento de pomares de até 10 hectares para produtores com renda anual de R$ 185 mil. Cada produtor terá R$ 60 mil como teto de financiamento, 4% de juros ao ano e carência de três anos para o começo do pagamento da dívida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.