finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Sede do Washington Post é vendida por US$159 mi

A sede do Washington Post está sendo vendida para a Carr Properties, companhia de investimento imobiliário, por cerca de 159 milhões de dólares, afirmou a empresa, ex-proprietária do jornal, nesta quarta-feira.

Reuters

28 de novembro de 2013 | 11h40

A Graham Holdings, que vendeu o Post para o fundador da Amazon, Jeffrey Bezos, por 250 milhões de dólares em agosto, disse em comunicado que a venda da sede no centro de Washington tem conclusão programada para março e inclui um terreno ao lado do edifício.

O Post vai alugar sua redação do novo proprietário do prédio enquanto procura uma nova sede.

A Graham Holdings, do empresário Donald Graham e sua família, opera os serviços de educação Kaplan, além de negócios de mídia online, impressa e de TV.

Anteriormente conhecida como Washington Post Co, a companhia mudará oficialmente para Graham Holdings na sexta-feira, quando passará a ser negociada com novo código.

(Por Margaret Chadbourn)

Tudo o que sabemos sobre:
EMPRESASPOSTIMOVEL*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.