Selic não reflete no crédito imobiliário

Quem pretende financiar a compra da casa própria não deve ficar preocupado. "A taxa Selic não interfere quase em nada nas operações de crédito imobiliário", diz José Pereira Gonçalvez, consultor técnico da Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Acebip).Segundo ele, os juros do financiamento já são fixados em 12% ao ano. "Isso é estipulado no Sistema de Financiamento da Habitação (SFH). Para todos os bancos a regra é a mesma." Pereira diz que as parcelas do financiamento variam de acordo com a Taxa Referêncial (TR) que é calculada diariamente pelo Banco Central (BC).No início do ano, diz Pereira, a expectativa era de que a TR variasse 1,8%. Com a alta da taxa Selic a TR pode subir um pouco. "No máximo fecharemos o ano com uma variação de 2,5%. Isso não prejudica quem pretende comprar um imóvel." Pereira dá o exemplo de um consumidor que paga parcelas de R$ 1 mil por mês em um apartamento. "Em janeiro de 2002 ele vai pagar R$ 1025."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.