Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Semana começa bem para Bolsas

Trégua no noticiário sobre crédito nos EUA permite dia de ganhos em NY e SP; Dólar, juros e risco voltam a cair

Claudia Violante, Silvana Rocha e Denise Abarca, O Estadao de S.Paulo

07 de julho de 2031 | 00h00

As Bolsas em Wall Street se recuperaram parcialmente, ontem, amparadas pela queda do petróleo e o noticiário corporativo, após acumularem na semana passada as maiores perdas desde março de 2003. O destaque foi a decisão da GMAC Financial Services de reduzir sua carteira de empréstimos de 2ª linha (subprime) no trimestre. Após computar na semana anterior queda de 4,2%, o Dow Jones subiu 0,70%. A Bovespa deu um salto de 3,12%, para 54.572,6%, depois do tombo de 7,87% nos cinco pregões anteriores. Com vendas de Treasuries, os preços recuaram e as taxas subiram. O juro do T-Note 10 anos foi a 4,812%. O risco Brasil caiu 1,42%, para 209 pontos. Após avançar 1,99% e 2,05% na semana passada, o dólar à vista recuou, nesta ordem, 0,98%, a R$ 1,8755 na BM&F, e 1,00%, a R$ 1,875, no balcão. O juro de janeiro de 2010 cedeu a 11,02%.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.