Senado aprova José Jurhosa Junior para diretor da Aneel

O plenário do Senado aprovou, na tarde desta quarta-feira, 16, o nome do engenheiro eletricista José Jurhosa Junior para o cargo de diretor da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Em votação secreta, Junior teve a indicação aprovada por 53 votos favoráveis e 10 contrários. Pela manhã, ele havia sido aprovado por unanimidade na Comissão de Serviços de Infraestrutura da Casa.

RICARDO BRITO E AYR ALISKI, Agencia Estado

16 de outubro de 2013 | 17h17

A Aneel informa que José Jurhosa atuou na Superintendência de Concessões, Permissões e Autorizações de Transmissão e Distribuição da agência, onde cuidou do processo de autorizações de cooperativas de eletrificação rural. Ele também atuou na Superintendência de Fiscalização dos Serviços de Eletricidade da Aneel, exercendo, entre outras funções, a fiscalização de empresas do setor elétrico e a aplicação dos procedimentos de rede.

Atualmente, Jurhosa é assessor da diretoria e vice-presidente da Comissão Especial de Licitação da Aneel. A indicação da Presidência da República foi feita pela Mensagem nº 415, de 26 de setembro de 2013.

Das cinco vagas na diretoria da Aneel, apenas três estão ocupadas por Romeu Donizete Rufino, como diretor-geral; além de André Pepitone da Nóbrega e Edvaldo Alves Santana. Em setembro, a Presidência indicou também Reive Barros dos Santos, engenheiro da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf), para uma das vagas na diretoria da Aneel. Há estimativa de que ele seja sabatinado pelo Senado em novembro.

Tudo o que sabemos sobre:
AneelSenado

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.