coluna

Louise Barsi explica como viver de dividendos seguindo o Jeito Barsi de investir

Senado aprova MP que isenta do IR sobre PLR

O Senado aprovou nesta terça-feira, em votação simbólica, a Medida Provisória 597, que garante aos trabalhadores, que receberem até R$ 6 mil a título de participação nos lucros (PLR), a isenção do Imposto de Renda sobre esses valores. A proposta, que seguirá para sanção presidencial, prevê uma tabela progressiva de tributação para valores de PLR até R$ 15 mil.

RICARDO BRITO, Agencia Estado

28 de maio de 2013 | 19h00

Os senadores não alteraram o parecer do deputado Luiz Alberto (PT-BA), relator da MP na comissão mista. Para os pagamentos entre R$ 6 mil e R$ 9 mil, a tributação será de 7,5%. Para os repasses de R$ 9 mil a R$ 12 mil, a alíquota incidente seria de 15%. Aqueles que receberem de R$ 12 mil a R$ 15 mil terão de pagar 22,5% de imposto. Os valores acima de R$ 15 mil contarão com a incidência de 27,5% do imposto de renda.

A renúncia fiscal estimada pelo governo com a edição da MP é de R$ 1,7 bilhão em 2013; R$ 1,88 bilhão em 2014; e R$ 2,09 bilhões em 2015. As novas regras valem desde 1º de janeiro deste ano.

Tudo o que sabemos sobre:
SenadoIRPLR

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.