Senado dos EUA libera os US$ 350 bi restantes do Tarp

O Senado dos EUA votou pela liberação da segunda parte dos US$ 350 bilhões do Programa de Alívio de Ativos Problemáticos (Tarp, na sigla em inglês) do Departamento do Tesouro, em uma votação apertada que foi uma clara indicação da incerteza dos senadores sobre o programa. A liberação dos recursos foi aprovada por 52 votos a favor e 42 contra. Tecnicamente, o Senado votou contra uma resolução que bloqueava a liberação dos recursos apresentada pelos senadores republicanos. Era necessário apenas a maioria simples do Senado para derrotar a resolução. O placar da votação também foi resultado da campanha de último minuto de membros da futura administração do presidente Barack Obama, que se reuniram com senadores de ambos os partidos e, por duas vezes, escreveram cartas detalhando seu compromisso para reformar o polêmico programa. O próprio Obama se reuniu com senadores democratas e telefonou para vários democratas indecisos em uma tentativa de convencê-los da necessidade da liberação dos fundos do Tarp. As informações são da Dow Jones.

SUZI KATZUMATA, Agencia Estado

15 de janeiro de 2009 | 20h34

Tudo o que sabemos sobre:
crisepacoteEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.