Sentimento do consumidor japonês tem 1ª queda do ano

O sentimento do consumidor no Japão piorou pela primeira vez em 11 meses em novembro, informou o governo, em mais um sinal de que as preocupações dos consumidores sobre o mercado de trabalho podem puxar para baixo a demanda doméstica e frear a recuperação da economia.

AE-DOW JONES, Agencia Estado

11 de dezembro de 2009 | 07h07

O índice de confiança do consumidor apurado pelo Escritório do Gabinete de Governo, que mede as perspectivas econômicas dos consumidores para os próximos seis meses, caiu de 40,5 em outubro para 39,5 em outubro. Foi a primeira redução desde dezembro do ano passado, o que trouxe o índice para seu nível mais baixo desde julho.

O declínio levou o governo a diminuir sua avaliação do índice pelo segundo mês seguido. De acordo com um comunicado do Escritório do Gabinete, o índice mostra que o "sentimento do consumidor está ficando mais fraco". Em outubro, o Escritório do Gabinete disse que a alta (do sentimento) estava "se suavizando". As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Japãoconsumidor

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.