Alkis Konstantinidis/Reuters
Alkis Konstantinidis/Reuters

Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Fitch rebaixa nota de crédito da Grécia

Rating grego de longo prazo em moeda estrangeira e local foi rebaixado de CCC para CC; Standard & Poor’s rebaixou nesta terça-feira os ratings de quatro bancos gregos para nível de calote

Agência Estado

30 de junho de 2015 | 14h53

A agência de classificação de risco Fitch cortou a nota de crédito, rating, de longo prazo em moeda estrangeira e local da Grécia de CCC para CC, advertindo que uma potencial saída do país da zona do euro ocorreria provavelmente de maneira desordenada.

Ao rebaixar a nota da Grécia, a Fitch afirmou em comunicado que "nós agora vemos um default sobre a dívida do governo mantida pelos credores privados como provável". 

O rebaixamento da Fitch ocorre após a Standard & Poor's (S&P) rebaixar seus ratings do país para CCC-

Bancos. A agência Standard & Poor’s rebaixou nesta terça-feira os ratings de quatro bancos gregos para SD (selective default ou calote seletivo). A nota anterior era CCC. A medida afeta o National Bank of Greece, o Alpha Bank, o Eurobank Ergasias e o Piraeus Bank. 

Segundo a agência, os limites às retiradas bancárias, o fechamento dos bancos por uma semana inteira e a adoção de controles sobre os fluxos de capital, com proibição de transferências de dinheiro para fora do país, resultaram na redução do pronto acesso das pessoas a seus depósitos bancários. (Com informações da agência Dow Jones Newswires).

Tudo o que sabemos sobre:
GréciaUnião Europeiazona do euro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.