Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

S&P rebaixa rating da Sadia

A Standard & Poor´s Rating Services rebaixou o rating (classificação) de moeda local da Sadia S.A. de "BB" para "BB-". O rating de moeda estrangeira foi reiterado em "B+". A perspectiva para o rating de moeda local é estável, e para o de moeda estrangeira é negativa. A agência citou em comunicado a exposição da companhia a um ambiente econômico de crescente risco para as corporações brasileiras."As vendas de produtos com margens mais elevadas estão bastante concentradas no Brasil. Apesar de as exportações representarem proteção significativa para a volatilidade do mercado doméstico, o mix de produtos para o mercado externo é reduzido e um de seus principais mercados sofre a ameaça de barreiras tarifárias."A S&P também destacou a piora do perfil de dívida da empresa. "As linhas de crédito disponíveis são de menor prazo e mais caras, apesar de a Sadia ter sido capaz de acessar o mercado de crédito bancário, e de captar empréstimos com prazos de até um ano, beneficiando-se de ganhos de arbitragem e rolando vencimentos de curto prazo."A agência ressaltou ainda a exposição da empresa ao risco inerente aos títulos brasileiros em carteira, dentre os quais títulos públicos de grande volatilidade. "A relativa flexibilidade da empresa para redirecionar vendas para o mercado internacional tem contribuído para contrabalançar a desaceleração da economia local em 2001-2002", afirmou a S&P. "Entretanto, o efeito positivo nas receitas e na geração de caixa da empresa resultante do aumento das exportações nos últimos trimestres deve-se mais à forte depreciação do real do que a um fortalecimento sustentável das vendas ao mercado internacional, o que sugere que a volatilidade da moeda continuará influenciando os resultados futuros da Sadia", disse a analista de crédito Milena Zamboni.

Agencia Estado,

14 de novembro de 2002 | 10h51

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.