Serasa: devolução de cheques cai para 19,6 por mil

O volume de cheques devolvidos por falta de fundos, a cada mil compensados, caiu 6,2% no período de janeiro a novembro, ante o mesmo intervalo do ano passado, segundo pesquisa da Serasa. O levantamento mostrou que foram devolvidos 19,6 cheques a cada mil compensados nos primeiros onze meses do ano, contra 20,9 cheques de janeiro a novembro de 2006.De acordo com a Serasa, foram compensados 1,41 bilhão de cheques no período, enquanto 27,63 milhões foram devolvidos por insuficiência de fundos. No ano passado, os compensados chegaram a 1,57 bilhão, e os devolvidos, 32,85 milhões.Segundo os técnicos da Serasa, o aumento da renda real e do emprego, em razão da queda na taxa de inflação e do crescimento da atividade econômica, além da melhora nas condições de crédito são os principais fatores que refletiram na retração do volume de cheques devolvidos.Na relação de novembro de 2007 com o mesmo mês do ano passado, a queda foi de 3%. Segundo a Serasa, foram devolvidos 19,2 mil cheques por mil compensados no mês, contra 19,8 devoluções a cada mil compensados em novembro de 2006.Entre os Estados que lideraram o ranking de cheques devolvidos a cada mil compensados, se destacam Roraima, com média de 93,4 cheques devolvidos, seguido por Amapá (86,2) e Maranhão (62,3). Na outra ponta, em Estados com índices mais baixos de cheques devolvidos estão São Paulo (16,1), Paraná (17,4) e Santa Catarina (17,7).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.