Serasa: protesto de títulos sobe 16,1%

O volume protestado de títulos de pessoas físicas em todo País, sem contar o Estado de São Paulo, cresceu 16,1% em cinco meses de 2002. Em maio, na comparação com maio de 2001, o aumento no volume médio de títulos protestados (pessoas físicas e jurídicas), foi de 17,1%. A evolução da média diária dos protestos de pessoas físicas (367,4 mil) foi de 26,5% e a de pessoas jurídicas (409,7 mil), 9,7%. Segundo a Serasa, o nível da inadimplência, embora longe do recorde histórico de 1995/1996, ainda é alto e requer atenção.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.