Serviços públicos e energia impulsionam bolsas européias

O principal índice de ações européiasfechou em alta nesta segunda-feira, animado pela queda dopetróleo e pelas ações de serviços públicos depois que rumoresde uma fusão impulsionaram a Iberdrola . As ações da companhia subiram mais de 7 por cento com oscomentários de seu segundo maior acionista de que não vêalternativa para a empresa a não ser uma fusão com a GasNatural --cujas ações avançaram 4,5 por cento. De acordo com dados preliminares, o índice FTSEurofirst 300subiu 1,26 por cento, para 1.177 pontos. Produtores de petróleo e gás estiveram entre os destaquespositivos mesmo com a queda do preço do barril no mercadointernacional. Operadores citaram uma recuperação após perdasda semana passada. "O fato dos vendedores terem sido tão persistentes e de nãotermos visto nada a não ser vendas nas últimas seis semanassignifica que estamos em um período de moderação", disse MikeLenhoff, estrategista da Brewin Dolphin. "Além disso, tivemos algumas notícias razoáveis nosmercados de commodities, petróleo em particular." Em LONDRES, o índice Financial Times fechou em alta de 1,85por cento, a 5.512 pontos. Em FRANKFURT, o índice DAX avançou 1,97 por cento, para6.395 pontos. Em PARIS, o índice CAC-40 subiu 1,8 por cento, a 4.342pontos. Em MILÃO, o índice Mibtel encerrou em alta de 1,32 porcento, a 22.336 pontos. Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou valorização de 1,84por cento, a 11.982 pontos. Em LISBOA, o índice PSI20 teve ganho de 1,68 por cento, aos8.697 pontos. (Reportagem de Amanda Cooper)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.