Estadão
Estadão

Servidores da Aneel vão apresentar lista tríplice com candidatos para diretoria do órgão

Segundo a associação do setor, a ideia é contribuir para o fortalecimento da instituição e para o amadurecimento das carreiras do órgão; lista será apresentada em 7 de maio

Anne Warth, O Estado de S.Paulo

23 Abril 2018 | 17h48

BRASÍLIA - Em meio às movimentações de indicações políticas para a escolha dos diretores da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), os servidores do órgão decidiram apresentar uma lista tríplice de candidatos para o cargo, a exemplo do que ocorre na Procuradoria Geral da República (PGR) e na escolha do cargo de reitor da Universidade de São Paulo (USP).

+ Dominadas por indicações políticas, agências têm 11 vagas na prateleira

A ideia, segundo a Associação dos Servidores da Agência Nacional de Energia Elétrica (Asea), é contribuir para o fortalecimento da instituição e para o amadurecimento das carreiras do órgão.

A lista será apresentada no dia 7 de maio e, em seguida, será enviada aos atuais diretores da Aneel, ao Ministério de Minas e Energia, à Casa Civil da Presidência da República e ao Senado Federal. O primeiro turno da votação ocorreu entre os dias 18 e 20 de abril e teve a participação de 405 pessoas, ou 65% do quadro de servidores. 

+ Distribuidoras da Eletrobrás pagam o triplo do salário da iniciativa privada

O primeiro lugar ficou com Leandro Caixeta Moreira, assessor do diretor-geral da Aneel, Romeu Rufino. Ele recebeu 99 votos. Empatadas no segundo lugar, com 90 votos, ficaram Nara Rúbia de Souza, chefe de gabinete de Rufino, e Camilla de Andrade Gonçalves Fernandes, superintendente adjunta de Fiscalização dos Serviços de Geração de Energia Elétrica; em seguida, ficaram Alessandro D' Afonseca Cantarino, superintendente de Fiscalização dos Serviços de Geração, e Ludimila Lima da Silva, superintendente Adjunta de Concessões e Autorizações de Geração.

Entre a 5ª e a 10ª posição, ficaram, por ordem, Tiago de Barros Correia, diretor da Aneel; Hélvio Neves Guerra, superintendente de Concessões e Autorizações de Geração; Ticiana Freitas de Sousa, Superintendência de Fiscalização Econômica e Financeira, Rui Guilherme Altieri Silva, presidente do Conselho de Administração da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE); e Adriana Drummond Vivan, especialista de Gestão de Tecnologia de Informação.

Cinco candidatos vão passar para o segundo turno, etapa que vai definir os três integrantes da lista tríplice. Essa eleição vai ocorrer entre os dias 2 e 4 de maio. Os interessados em participar dessa fase deverão se manifestar. Quem desistir abre espaço para a entrada dos demais candidatos mais votados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.