Servidores do INSS que atuam na Receita iniciam greve

A Associação Nacional dos Servidores da Receita Previdenciária (Unaslaf) informou hoje que os técnicos e analistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que trabalham para a Receita Federal do Brasil (Super Receita) iniciaram greve. Os servidores querem ser incluídos no plano de carreira da Super Receita.Segundo nota da Unaslaf, cerca de 5 mil técnicos e analistas trabalham para o órgão. Com a paralisação, ficam interrompidos os serviços de fornecimento de certidões negativas de débito de contribuições previdenciárias, restituição de valores pagos à Previdência, parcelamentos de dívidas de contribuições previdenciárias e regularização de obras de construção civil, entre outros.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.