Setor aéreo tem o melhor mês de março dos últimos 10 anos

Demanda doméstica aumentou 2,9% no mês passado segundo a Anac; Azul e Avianca foram as que mais cresceram

AYR ALISKI, O Estado de S.Paulo

29 de abril de 2015 | 02h03

BRASÍLIA  - A demanda doméstica por transporte aéreo de passageiro acumulou alta de 5,6% em 2015, considerando o período entre janeiro e março. Segundo dados divulgados ontem pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), a oferta apresentou aumento de 4% no mesmo período.

Para o mês de março de 2015, a demanda registrou crescimento de 2,9%, em comparação ao mesmo período de 2014. A Anac aponta que esse foi o índice recorde para o mês nos últimos 10 anos. A oferta aumentou 3,2%.

As maiores taxas de crescimento da demanda doméstica em março de 2015, quando comparadas com o mesmo mês de 2014, foram obtidas pela Avianca (18,9%) e Azul (10,7%). A TAM apresentou crescimento de 0,2% e a Gol, retração de 1,8%.

A liderança do mercado doméstico em março ficou com a TAM (37,6%) e a Gol (34,3%). Segundo a Anac, a TAM registrou queda de 2,6% em sua participação de mercado, enquanto a Gol apresentou diminuição de 4,6% nesse indicador. A participação das demais empresas somadas foi de 28,1%, o que representou aumento de 10,4% em relação a março de 2014.

Ao todo, foram 7,8 milhões de passageiros pagos transportados no mercado doméstico em março de 2015, o maior volume para o mês nos últimos 10 anos, com alta de 2,8% em relação a março de 2014. A Anac destaca que esse indicador vem registrando variação positiva há 18 meses consecutivos.

Expansão. No acumulado de janeiro a março de 2015, a Gol transportou 9,02 milhões de passageiros; a TAM transportou 8,10 milhões de passageiros. A Azul ocupou a terceira posição, com 5,16 milhões. O relatório completo está disponível para consulta na internet,

A demanda do transporte aéreo internacional de passageiros das aéreas brasileiras apresentou crescimento pelo 13º mês consecutivo em março de 2015, com aumento de 4,9% na comparação com 2014. É o maior índice para o mês nos últimos dez anos.

A oferta internacional do transporte aéreo internacional de passageiros das empresas aéreas brasileiras registrou o oitavo mês consecutivo de crescimento, com alta de 10,5% em comparação ao mês de março de 2014. Isso também foi recorde para o mês nos últimos dez anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.