Setor elétrico derruba a bolsa paulista

A bolsa de São Paulo teve uma terça-feira de cautela, ainda estudando os impactos da revisão tarifária do setor elétrico anunciada na terça-feira. Os papéis das elétricas registram fortes baixas por causa da intervenção do governo que provocou um reajuste menor nas tarifas. A Light encabeçou a lista das maiores baixas, com perda de 8,53%. O Ibovespa fechou em queda de 0,17%, com volume de R$ 707,858 milhões.No Estados Unidos, como a guerra no Iraque deve terminar em dias, o mercado voltou a se preocupar com a economia. Os investidores temem um déficit em conta corrente e consequente aumento dos juros, o que poderia frear o crescimento da maior economia do mundo. O índice Dow Jones fechou em queda de 1,22% e a Nasdaq recuou 1,89%.

Agencia Estado,

09 de abril de 2003 | 18h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.