Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Setubal foi um dos grandes empreendedores do País, diz Lula

O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM), decretou nesta quarta-feira, 27, três dias de luto oficial em homenagem ao banqueiro e ex-prefeito da cidade Olavo Setubal, falecido nesta manhã. Políticos e economistas comentaram a morte de Setubal, que dirigiu o banco Itaú por mais de 20 anos e levou a instituição ao posto de segunda maior do País. Veja abaixo as declarações sobre o empresário:   Veja também: Morre o político e banqueiro Olavo Setubal, do Itaú Os fatos mais importantes da vida de Olavo Setubal Galeria de fotos     "Olavo Setubal foi um dos grandes empreendedores brasileiros do nosso tempo. Sempre acreditou que era possível construir um futuro melhor e, neste sentido, deu uma importante contribuição ao desenvolvimento do País, especialmente na área financeira." Luiz Inácio Lula da Silva, presidente da República   "Doutor Olavo foi exemplo de vida pública e privada. Sua liderança no setor privado bem como sua experiência de vida pública sempre se pautaram pelo empreendedorismo, capacidade de trabalho, visão e integridade pessoal. O Brasil perde um dos seus grandes homens." Henrique Meirelles, presidente do Banco Central   "Empresário, político e figura humana notável, sua passagem pelo Itamaraty, como o primeiro Ministro das Relações Exteriores do governo José Sarney, ocorreu em momento histórico de redemocratização e afirmação da cidadania no Brasil. Coube a Olavo Setubal impulsionar a reaproximação entre o Brasil e a Argentina, de que foi exemplo a Declaração de Iguaçu de 1985, processo que deu partida à integração regional. A defesa que fez de uma 'diplomacia para resultados' mostrava seu empenho em atuar sempre em favor do desenvolvimento nacional."  Celso Amorim, ministro das Relações Exteriores   "Olavo Setubal foi um dos grandes prefeitos da história da Cidade de São Paulo. Para todos que militam na vida pública, ele é uma referência, por seu caráter, idoneidade e pela sua formação. Os cargos que ocupou na vida pública, exerceu com muito espírito público e seriedade, seja como prefeito seja como ministro das Relações Exteriores. O Brasil perde um grande homem, um grande empresário, um grande homem público. Quero manifestar também, em nome da Cidade de São Paulo, os sentimentos de solidariedade à sua família." Gilberto Kassab, prefeito de São Paulo   "O Brasil perde um grande brasileiro, mas fica um exemplo ímpar de profissionalismo, dedicação e valores éticos." Fabio Barbosa, presidente da Federação Brasileira de Bancos (Febraban)   "Perdemos um dos nossos mais dignos exemplos de homem capaz de - com a mesma ética, coragem, visão empreendedora e força de trabalho -, exercer atividades e realizar projetos vencedores, beneficiando o povo e o Brasil, tanto na iniciativa privada quanto na vida pública." Paulo Skaf, presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp)   "(Setubal) Foi um grande prefeito de São Paulo, um exemplo de homem público, fez uma gestão muito feliz e prestou um grande serviço à cidade." Geraldo Alckmin, candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo   "Ele incorporou-se àqueles que lutavam pela redemocratização do País. Como ministro das Relações Exteriores, cuidou da recuperação da imagem do nosso país no exterior, após 21 anos de autoritarismo." Sérgio Guerra, presidente nacional do PSDB   "Sua morte reaviva reflexões do lastro que engrandeceu nossa sociedade. Olavo Setubal marcou o cenário empresarial brasileiro com excelsa atuação, deu importante contribuição na área política e sua morte reaviva reflexões do lastro que engrandeceu nossa sociedade." Lázaro de Mello Brandão, presidente do Conselho de Administração do Bradesco   "O vozeirão forte e frases de efeito vão ficar em nossa memória como referência de perseverança e determinação. Olavo Egydio Setubal exerceu papel determinante enquanto banqueiro a frente do Itaú e também como político na gestão da prefeitura de São Paulo e no governo Sarney." Grupo Santander Brasil, em nota   "Seu nome está associado ao Banco Itaú, uma das maiores instituições financeiras do País, e às empresas que fundou e que se destacaram em nossa economia." Milton Luiz de Melo Santos, presidente do Banco Nossa Caixa   "Setubal foi um dos pilares da geração que edificou o sistema financeiro brasileiro. Fez isso com a mesma dedicação com que se atirou às funções de homem público, seja na Prefeitura de São Paulo, seja no papel de chanceler, que exerceu no momento em que o País vivia sua reabertura política e econômica. Por isso, seu legado vai além das realizações do conglomerado Itaú, hoje muito bem administrado por sucessores que tiveram nele sua principal fonte de inspiração." Ainda no documento, Salles escreveu que "se os bancos brasileiros são vistos em todo o mundo como modelo de solidez e inovação, muito dessa reputação se deve à filosofia de trabalho do Dr. Olavo." Pedro Moreira Salles, presidente do Unibanco   "Mais do que exemplo superlativo de empreendedorismo e liderança, Olavo Setubal foi um brasileiro da mais alta envergadura, cujas preocupações não se apartavam do desenvolvimento e da inserção do país no lado progressista do mundo. O Brasil se despede de um cidadão de primeira grandeza, cuja memória evocará sempre descortino, entusiasmo, benemerência e fidalguia." Gilmar Mendes, presidente do Supremo Tribunal Federal, em nota à viúva Daisy Salles   "O Dr. Setúbal, como era conhecido", foi, a um só tempo, empresário e homem público. De acordo com informações divulgadas por sua assessoria, o senador Marco Maciel lembrou que Olavo Setúbal "participou ativamente da transição para o estado democrático de direito, tendo uma grande e significativa compreensão da necessidade da abertura política." Marco Maciel, senador pelo DEM-PE

Da Redação,

27 de agosto de 2008 | 17h44

Tudo o que sabemos sobre:
ItaúOlavo Setubal

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.