Seus Direitos:

Pequenos produtos, mas grandes problemasEm junho/06, comprei duas escovas de dentes elétricas Oral B Cross Action. Após um ano de uso, elas mostraram sinais de fungo na emenda da borracha antiderrapante com o corpo plástico da escova. No final de 2007 enviei e-mail à empresa, sem resposta; e em ligação ao 0800, o atendente disse que o problema seria o armazenamento. Expliquei que guardava a escova em pé, num suporte em um banheiro amplamente ensolarado, no 11.º andar, onde o que menos falta é circulação de ar. Na embalagem não há instruções de que a escova deve ser enxugada e guardada em lugar ensolarado. Escovas tradicionais, mais baratas, não apresentam esse problema.JOAQUIM FERDINANDO BRAUNMorumbiProcter & Gamble responde:"Recebemos a queixa em 4/1 e respondemos no dia 7. Lamentamos que o cliente não tenha recebido a resposta. O formato do cabo da escova CrossAction Power Whitening tem por objetivo garantir um manuseio de mais precisão e, ao mesmo tempo, uma sensação mais agradável ao escovar os dentes. Para conservar a escova, recomendamos evitar guardá-la molhada. As condições do ambiente de armazenamento também influem no contínuo bom estado do produto."Comprei três embalagens de Nestogeno Plus, cujo rótulo indica uso para crianças de 0 a 12 meses, mas achei o produto diferente do Nestogeno 2 a que meu bebê de 7 meses está habituado. Dois dias depois ele não tomava mais a quantidade a que se habituara, e hoje (25/3) começou a vomitar o leite. O produto ainda está na validade (1/9/08). A atendente do SAC diz que eu não deveria ter comprado o leite sem indicação do pediatra, pois o produto ?não é indicado para todas as crianças?. Argumentei que esta informação não está no rótulo, e se o produto não deve ser comprado sem indicação de médico não deveria estar disponível no supermercado. Pedi troca, mas ela disse para eu contatar o mercado onde comprei o leite.THIAGO de GODOY NAKAOCapitalA Nestlé responde: "O leitor já havia nos contatado pedindo a troca. Verificamos que ele desconhecia as características próprias do produto, que, por ser acidificado, tem sabor e viscosidade que diferem do Nestogeno 2, a que o bebê estava acostumado. Na ocasião, esclarecemos que, já que cada organismo apresenta necessidades diferentes, contamos com uma variedade de leites infantís, sendo que a mais indicada para cada criança deve ser recomendada pelo profissional de saúde que a atende, como dito na embalagem. Na oportunidade, transmitimos ao leitor novamente essa orientação e reiteramos o compromisso, também com a legislação, ref. à comercialização de alimentos para lactentes, razão que nos levou a não atender ao pedido de troca na ocasião."O leitor confirma que foi contatado e que a Nestlé trocou o produto em caráter de exceção.No ano passado, procurei a loja Black-tie, de aluguel de trajes a rigor e vestidos de noiva, para escolher um vestido. Acertamos o pagamento e assinei o contrato. Mas cancelei o casamento (carta de 19/3) e contatei a loja para conversar sobre o reembolso do valor, já pago integralmente. Pelo contrato deles, eu só teria 7 dias para desistir da locação, tendo de pagar multa de 50% do valor. total da locação, mas na cópia em meu poder, lê-se: "Da desistência. Na hipótese de desistência pelo cliente, este deverá pagar multa de: em até 120 dias anteriores ao evento, 50%; em até 90 dias, 60%; em até 30 dias, 80%. Ainda faltam 220 dias para o casamento, que seria em 25/10, mas a loja não quer devolver o valor integral que paguei pelo aluguel. PATRÍCIA CAPUCHINHOVila OlímpiaA Black-Tie responde:"A cliente desistiu da locação do traje em até 120 dias anteriores à data do evento. Portanto, deve pagar a multa de 50% sobre o valor da locação prevista em contrato. Enviamos documento (encaminhado para a leitora) esclarecendo em detalhes a razão para a empresa estipular cláusula de multa nos casos de desistência."Meu marido deixou uma lancha de brinquedo no Hospital das Bonecas, Brinquedos e Games em 29/9. Após 2 meses e meio sem retorno, a resposta foi que não haviam encontrado as peças (leme e hélice), por isso não deram orçamento. Mas a lancha foi completa, o problema era apenas de oxidação. Após 170 dias avisaram para buscar a lancha, mas nos recusamos a aceitar o brinquedo com falta de peças. Apesar de ter falado com várias atendentes, jamais consegui contatar o responsável. Nossa preocupação é perder a lancha, já que produtos não retirados em de 90 dias poderão ser vendidos ou ter as peças reaproveitadas para cobertura dos gastos. Telefono a cada 15 dias, sempre sem solução. E quem paga pelo prejuízo é meu filho de 11 anos, que está sem o brinquedo!GISELE M. BACHMANItaim BibiO Hosp. das Bonecas responde:"Infelizmente d. Gisele não foi atendida como deveria, já que somos uma empresa com mais de 60 anos no mercado e nunca houve um erro desses, de ficar mais de 100 dias para passar um orçamento. Combinamos trocar a lancha por uma nova e conseguimos o brinquedo com muito esforço, já que a importadora informou que o produto está fora de linha há mais de 3 anos. Marcamos uma reunião com as atendentes e o técnico responsável para saber a razão de o orçamento não ter sido enviado e por que não deram À cliente o atendimento merecido. Após a reunião, tomaremos providências para que isto não mais ocorra."LEANDRO PRIMO CAPELO - DiretorA leitora escreveu agradecendo e informou que, dia 9, o menino recebeu a lancha nova prometida. "Não tenho palavras para descrever a alegria do meu filho, que não seria possível sem a intervenção deste grande meio de comunicação", disse.Em dezembro, comprei a camisa oficial do São Paulo Futebol Clube, mas ao lavá-la o número das costas manchou. Como é que isso pode acontecer com um produto caro da Reebok?ANDRÉ LUÍS ÁLVARES ZAMPIERIPresidente Prudente/SPVulcabrás Nordeste responde:"Empregamos na fabricação dos produtos o que há de mais avançado, em materiais e processos, que obedecem aos padrões da Reebok Internacional, o que, por si, demonstra a qualidade dos produtos. Contudo, e para que se possa averiguar a procedência da queixa, o produto será enviado à fábrica para análise. Constatado defeito de fabricação, trocaremos a camisa. O consumidor deve contatar diretamente a Central de Atendimento para ser orientado sobre como proceder. Após contatada, a fabricante enviará ao leitor um porte pago, para que ele possa enviar o produto para ser analisado, sem custos."ANDRÉ PEREIRA de SOUZA - Dep. JurídicoO Ponto Frio avisa que é falso o vale-desconto que clientes receberam via net ou celular. O vale-brinde não existe, e a empresa alerta que a falsa info pode conter vírus prejudiciais aos seus equipamentos. Recomenda-se não abrir links ou anexos das falsas mensagens enviadas em nome do Ponto Frio, que não faz esse tipo de promoção.Este espaço é aberto a reclamações de consumidores que se sintam prejudicados ou tenham dúvidas ref. às suas relações com empresasAs reclamações devem ser endereçadas à coluna Seus Direitos, a/c de CECILIA THOMPSON, com nome, endereço, RG e telefone, podendo ser resumidas a critério do jornal. Reclamações sem esses dados não serão consideradas. Todas serão enviadas às empresas, que terão 15 dias para responderENDEREÇOAvenida Engº Caetano Alvares, 55, 6º andar, CEP 02598-900, São Paulo/SP FAX Fax (011) 3856-4590E-MAILconsumidor.estado@grupoestado.com.br

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.