Brinson Banks/The New York Times
Brinson Banks/The New York Times

carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Shonda Rhimes vai da TV para os podcasts

Roteirista vai emprestar seus talentos para histórias contadas em áudio, por meio de um contrato assinado com a iHeartRadio.

The New York Times, O Estado de S. Paulo

21 de outubro de 2019 | 05h00

A roteirista Shonda Rhimes, a mente por trás de séries como Grey’s Anatomy e dona de um acordo milionário com a Netlflix, vai emprestar seus talentos para histórias contadas em áudio, por meio de um contrato assinado com a empresa iHeartRadio.

A produtora de Shonda, a Shondaland, anunciou uma parceria de três anos com a iHeart na semana passada. O acordo prevê a produção de mais de dez podcasts originais para a plataforma. 

Além de ter criado Grey’s Anatomy, sucesso global desde 2005, Shonda também produziu atrações como Scandal e How to Get Away with Murder. No momento, a roteirista e produtora estaria desenvolvendo oito séries para a Netflix.

A primeira a ser produzida pelo serviço de streaming será Bridgerton, trama ambientada em Londres e baseada nos romances de Julia Quinn. Com participação de Julie Andrews (A Noviça Rebelde), a atração deve estrear na Netflix em 2020.

Shonda não é exatamente novata em podcasts. No ano passado, sua empresa criou Katie’s Crib, um podcast semanal apresentado pela atriz Katie Lowes (Scandal). Essa atração vai migrar para a plataforma iHeartRadio. Já se sabe que outros dois podcasts estão em produção: um sobre uma primeira-dama americana e outro com a comediante Ali Wentworth.

Indústria

A “febre” dos podcasts continua a toda velocidade: nos Estados Unidos, cerca de um terço de toda a população com 12 anos ou mais – ou cerca de 90 milhões de pessoas – ouvem um podcast pelo menos uma vez ao mês. Trata-se de um crescimento de 21% em três anos, de acordo com uma pesquisa da Edison Research.

O principal estúdio de podcasts é a NPR, a rádio pública americana, que concentrou 151 milhões de downloads no mês passado, de acordo com o ranking da Podtrack. A iHeartRadio está em segundo lugar, com 147 milhões de ouvintes. O principal podcast individual é o The Daily, do The New York Times.

Segundo uma pesquisa da consultoria PwC, os espaços comerciais em podcasts de grande audiência são reservados com meses de antecedência. A indústria de podcasts arrecadou US$ 479,1 milhões em 2018.

Tudo o que sabemos sobre:
Shonda Rhimespodcast

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.