Skaf defende aumento da oferta contra inflação

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, defendeu hoje que o controle da inflação seja feito com aumento da oferta de produtos e não com alta de juros. Para Skaf, o Brasil precisa inverter a política monetária que privilegia o aumento da Selic, instituindo menos impostos, mais crédito e menos juros."O aumento da produção se faz com investimento, e investimento exige juros menores. Temos de parar de achar que a única solução para a inflação é o juro alto. Isso está sufocando o País", ressaltou o empresário, logo após almoçar com o vice-presidente José Alencar e o ministro do Trabalho, Ricardo Berzoini, na sede da entidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.