SocGen lucra US$ 109 milhões no 4º trimestre

No ano anterior, banco teve um prejuízo de 3,35 bilhões de euros no mesmo período

Clarissa Mangueira, Agência Estado

18 de fevereiro de 2009 | 07h49

O Société Générale (SocGen) alertou nesta quarta-feira, 18, que o ambiente econômico permanecerá desafiador durante todo o ano de 2009, após confirmar que registrou um modesto lucro líquido no quarto trimestre de 2008 e declarar um dividendo de 1,2 euro por ação. O banco obteve um lucro líquido de 87 milhões de euros (US$ 109,7 milhões) no quarto trimestre do ano passado, comparado com o prejuízo de 3,35 bilhões de euros no mesmo período do ano anterior, resultado do escândalo financeiro que abalou as fundações do banco há um pouco mais de um ano. Em 2008, o ganho líquido foi de 2,01 bilhões de euros, ante lucro de 947 milhões de euros no ano anterior. Os resultados estão em linha com a atualização das projeções divulgada pelo banco no mês passado. O lucro líquido no quarto trimestre de 2008 nas atividades de banco de varejo foi quase inteiramente destruído pelo prejuízo no banco corporativo e de investimentos, onde o Société Générale foi afetado, como outros bancos europeus, pelo colapso do Lehman Brothers e pela extrema volatilidade do mercado de ações.  "O grupo tem adotado algumas medidas para adaptar seus negócios ao ambiente de incertezas", disse o executivo-chefe da instituição, Frederic Oudea. O SocGen afirmou no mês passado que combinaria parte de seu negócio de administração de ativos com o do rival francês Credit Agricole. Esta é a segunda principal atividade do grupo a sofrer com a crise financeira e as reestruturações.

Tudo o que sabemos sobre:
SocGen

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.