Soja interrompe série negativa e sobe 0,47%

Após cair por três pregões seguidos e atingir a menor cotação em três semanas, a soja negociada na Bolsa de Chicago (CBOT) registrou valorização ontem. Os ganhos foram modestos: o contrato com vencimento em novembro, mais negociado, encerrou o pregão em alta 0,47%, cotado a US$ 9,59/bushel. Analistas disseram que a alta do petróleo e das ações em Nova York estimularam especuladores a liquidar contratos de venda, que funcionam como uma aposta na queda dos preços, e abrir posições de compra.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.