Soma abre negócios na Internet

A Sociedade Operadora do Mercado de Ativos (Soma) lança amanhã o Somabroker, um sistema que possibilitará aos clientes de corretoras, distribuidoras e outras instituições associadas enviar ordens de compra e venda de ações, via Internet, para a Soma. Este é um mercado de acesso para as empresas que pretendem lançar seus papéis na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). Leia mais sobre este mercado no link abaixo.Os negócios pelo SOMAbroker serão feitos por meio do site da Soma (veja link abaixo) e das instituições afiliadas. Os investidores vão operar os ativos eletronicamente, sem a intermediação de um operador. Os comandos enviados ao sistema Somabroker entram na relação de ofertas determinado primeiramente pelo preço e, caso haja empate de valor, pela ordem de chegada dos registros na Soma.Os investidores poderão registrar suas ordens de compra ou venda de ativos 24 horas. No período em que o pregão eletrônico estiver fechado, as ordens ficarão pendentes no sistema de cada instituição até a abertura dos negócios. Atualmente, a Soma opera de 11h às 18h. O Somabroker foi desenvolvido pela Macsys Informática e a primeira corretora a oferecer a ferramenta será a Sociedade Corretora Paulista - Socopa, a mesma que foi a pioneira no serviço equivalente disponível pela Bovespa. Atualmente, o portfólio da Soma possui 116 empresas registradas, seis fundos de investimento e duas debêntures. O I-Soma - o termômetro do mercado eletrônico - fechou 2001 com uma valorização de 41,63%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.