SPC: sete bancos irão gerir Fundos de Pensão

A Secretaria de Previdência Complementar (SPC) selecionou sete bancos para administrar recursos no valor de R$ 296 milhões dos fundos de pensão em regime de intervenção ou em processo de liquidação. As instituições selecionadas são as seguintes: BNP Paribas Asset Management Brasil Ltda; Banco Itaú S/A; Caixa Econômica Federal; Banco Chase Manhattan S/A; HSBC Brain Brazilian Assets and Investiments Management Ltda., Lloyds TSB Asset Management S/A e BankBoston Asset Management Ltda. Segundo comunicado da SPC, na segunda fase do processo de seleção, os bancos deverão apresentar proposta para administração dos recursos das Entidades Fechadas de Previdência Privada, além de prestarem informações adicionais sobre a gestão de recursos de terceiros. A Secretaria adotou como critério para escolha das sete instituições financeiras, entre as 43 inscritas, as informações fornecidas pelos próprios bancos. Segundo o comunicado, a SPC testou a "consistência das informações prestadas e a aderência delas à política que a Secretaria está adotando".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.