Sri Lanka será conectado por balões do Google

O Sri Lanka deverá ser o primeiro país completamente conectado à internet através dos balões do projeto Loon, do Google, um sistema que permitirá que o acesso à web chegue a todos os confins da ilha, a convertendo em um território completamente conectado com o resto do planeta.

/EFE, O Estado de S.Paulo

15 de agosto de 2015 | 02h01

Em 28 de julho o governo do Sri Lanka e o Google assinaram um acordo e esperam que o projeto esteja em pleno funcionamento em menos de um ano.

"Agora que estabelecemos os termos para o trabalho e os desenvolvimentos, nos reuniremos com todas as operadoras de telecomunicação para discutir as modalidades de serviços que elas devem prestar à população", disse o diretor executivo da Agência de Informação, Comunicação e Tecnologia do Sri Lanka , Muhanthan Canagey.

O diretor assinalou que a infraestrutura estará pronta até 31 de dezembro de 2015 e que a rede completa deve estar disponível em 31 de março de 2016.

Os balões que serão utilizados no sistema serão lançados dos EUA e da Austrália.

O Google lançou o projeto "Loon" como uma proposta para levar internet a todos os cantos do planeta, criando um sistema de balões que flutuam na estratosfera no dobro da altura das rotas aeronáuticas e acima das mudanças na atmosfera.

Na estratosfera há muitas camadas que fazem variar a direção e a velocidade dos ventos, indicou o Google ao explicar o funcionamento do sistema.

Os balões vão onde for necessário, subindo ou descendo de camada para se deslocar na direção desejada e aproveitando o movimento dos ventos.

"Em poucos meses poderemos dizer verdadeiramente: o Sri Lanka está coberto", declarou o ministro das Relações Exteriores, Mangala Samaraweera, no momento do lançamento do projeto.

/EFE

Tudo o que sabemos sobre:
O Estado de S. Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.