STF prorroga prazo para franquias dos Correios

SEM APAGÃO POSTAL

, O Estadao de S.Paulo

13 de junho de 2009 | 00h00

A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos obteve, na sexta-feira, decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que afastou o temor de um "apagão postal" no País. O presidente do STF, ministro Gilmar Mendes, deu prazo até novembro de 2010 para que os Correios concluam a licitação para substituir os atuais concessionários das 1.429 franquias postais da estatal. Mendes suspendeu temporariamente uma decisão do Tribunal Regional Federal da 1.ª Região que obrigava a ECT a concluir a licitação até a sexta-feira, dia 19, o que, na prática, implicaria o fechamento das lojas franqueadas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.