André Dusek/Estadão
André Dusek/Estadão

STF suspende lei que dá aumento a servidores do Rio de Janeiro

Ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes concedeu medida cautelar contra o aumento de 5%

Renata  Batista, O Estado de S.Paulo

31 Agosto 2018 | 19h41

RIO - O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes concedeu na noite desta sexta-feira,31, medida cautelar contra o aumento de 5% para servidores do Tribunal de Justiça (TJ), Ministério Público (MP) e Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro.

Com isso, o reajuste aprovado nas leis estaduais 8.071/2018 e 8.072/2018, que começaria a vigorar em 1º de setembro, fica suspenso até o julgamento do mérito da matéria pelo plenário do STF.

A decisão decorre da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) ingressada na quarta-feira contra as duas leis pela Procuradoria Geral do Estado (PGE-RJ).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.