Conteúdo Patrocinado

Sucesso da Amazon, Alexa Echo Dot está com R$ 100 de desconto

Aproveite para comprar o smart speaker mais vendido do momento

Media Lab Estadão, O Estado de S.Paulo
Conteúdo de responsabilidade do anunciante

12 de agosto de 2020 | 16h38

Ter uma casa moderna e tecnológica é o sonho de consumo de cada vez mais pessoas ao redor do mundo, e é por isso que os dispositivos Echo, da Amazon, fazem tanto sucesso. Eles são integrados à famosa assistente virtual Alexa, que possui uma infinidade de funcionalidades acionadas a partir da voz, tais como tocar músicas, ler notícias, criar alarmes, responder perguntas, contar piadas, checar a previsão do tempo, acender luzes e trancar portas. Quem tem, não larga mais.

 

Clique aqui para comprar o Echo Dot -  Preço: R$ 249

Agora, a versão mais vendida pela Amazon, o Echo Dot, está com uma promoção imperdível de R$ 100 de desconto. É a oportunidade ideal para quem ainda não adquiriu ou produto ou então deseja presentear alguém. 

A versão tradicional sai por R$ 249, disponível nas cores branca, cinza, preta e rosa, enquanto a opção com relógio custa R$ 349. A promoção não tem previsão de término, pode ser a qualquer momento, então a dica é aproveitar enquanto é tempo.

Clique aqui para comprar o Echo Dot com relógio Preço: R$ 349

 


O smart speaker pode ser usado em qualquer ambiente e é conectado a serviços como Amazon Music, Apple Music, Spotify e Deezer, possibilitando a reprodução de suas músicas preferidas por meio dos alto-falantes integrados. 

Com quatro microfones de longo alcance, a Alexa consegue escutar os comandos de voz vindos até de outros cômodos, facilitando ainda mais a interação e as atividades do dia a dia. 

Clique aqui para saber mais sobre o Echo Dot e a Alexa - e para aproveitar o desconto de R$ 100. 

Aviso: Os preços dos produtos podem sofrer alterações. O Estadão pode receber comissão por meio de vendas realizadas em links presentes neste artigo.

 


 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.