FELIPE RAU/ESTADÃO
FELIPE RAU/ESTADÃO

Summit: Seth Weintrob diz que Brasil pode receber ‘expressivo’ investimento imobiliário

Executivo global de Real Estate do Morgan Stanley avalia ainda, que as mudanças de comportamento das novas gerações vai continuar impactando no futuro do setor

Douglas Gavras, O Estado de S.Paulo

16 de abril de 2019 | 12h10

Para o executivo global de Real Estate do Morgan Stanley, Seth Weintrob, o Brasil pode ser o próximo destino de um expressivo fluxo global de investimentos no mercado imobiliário. Ele é um dos palestrantes do Summit Imobiliário 2019, que acontece nesta terça-feira, 16, em São Paulo.

“Nos últimos anos, os investidores estavam reticentes quanto ao Brasil, esperando as reformas necessárias para o País voltar a crescer. As pessoas estão otimistas e querem investir. Foi assim na Índia, os investidores observaram as mudanças acontecerem antes de investir.”

Ele avalia, ainda, que as mudanças de comportamento das novas gerações vai continuar impactando no futuro do setor. 

“Há uma grande demanda por moradia, que faz as pessoas e empresas buscarem oportunidades de negócios imobiliários. As gerações Y e Z estão mais focadas em experiências do que em bens materiais e as empresas estão de olho nisso”, disse o executivo, ao mencionar que os serviços e espaços compartilhados devem se tornar mais presentes nos empreendimentos imobiliários.

Weintrob também diz acreditar que o capital estrangeiro pode ajudar na reestruturação do mercado imobiliário.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.