Superávit comercial brasileiro cai a US$ 190 mi na 2ª semana

Aumento forte das importações reduz em 81% o saldo da balança no período, ante a mesma semana de 2006

Agência Estado e Reuters,

17 de dezembro de 2007 | 10h26

Um forte aumento das importações reduziu o superávit comercial brasileiro na segunda semana de dezembro, segundo dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior divulgados nesta segunda-feira.  A balança comercial teve um saldo positivo US$ 190 milhões no período, 75,03% inferior ao resultado da primeira semana (US$ 761 milhões) e 81% menor em relação ao mesmo período de 2006, quando o superávit foi de US$ 1 bilhão.  As exportações somaram US$ 3,332 bilhões na segunda semana, contra US$ 3,385 bilhões na primeira. O número equivalente a uma média por dia útil de US$ 666,4 milhões, crescimento de 9,5% na comparação com 2006.  As importações totalizaram US$ 3,142 bilhões, valor bastante superior aos US$ 2,624 bilhões da semana anterior e correspondente a US$ 628,4 milhões de média por dia útil, 59,9% maior que no ano passado.  No ano, a balança comercial acumula superávit de US$ 37,351 bilhões, 10,7% menor que o acumulado em 2006, quando atingiu US$ 41,839 bilhões. Na comparação com janeiro a dezembro de 2006, as exportações cresceram 21,2% e as importações, 37%.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.