Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Superávit comercial é de US$ 103 mi na 3ª semana de abril

No mês, a balança comercial acumula um déficit de US$ 177 milhões, mas no ano tem superávit de US$ 2,260 bilhões 

Rosana de Cassia, da Agência Estado,

23 de abril de 2012 | 15h40

BRASÍLIA - A balança comercial registrou superávit de US$ 103 milhões, na terceira semana de abril. As exportações somaram US$ 5,084 bilhões (média diária de US$ 1,016 bilhão) e as importações atingiram US$ 4,981 bilhões,(média diária de US$ 996,2 milhões).

No mês, a balança comercial acumula um déficit de US$ 177 milhões, mas no ano tem superávit de US$ 2,260 bilhões. Os dados foram divulgados há pouco pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

A média diária das exportações de US$ 1,017 bilhão na terceira semana de abril é 11,3% superior à média de US$ 914 milhões registrada na semana anterior. Esse aumento, segundo o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior deve-se ao crescimento das vendas de semimanufaturados como óleo de soja em bruto, ferro-ligas, açúcar, ferro fundido e ouro, e produtos básicos como soja e café em grão, farelo de soja e fumo em folhas.

Na terceira semana, a média das importações, de US$ 996,2 milhões registrou um aumento de 5,4%, em relação à semana anterior, explicada pelo aumento nos gastos com combustíveis e lubrificantes, aparelhos eletroeletrônicos, plásticos, borracha e farmacêuticos.

Mas se a média das exportações for comparada a abril de 2011, houve uma queda de 10,5%, enquanto a média das importações caiu 5,5%.

No acumulado do ano, o saldo de US$ 2,260 bilhões até a terceira semana de abril é 46,2% menor que o saldo do mesmo período de 2011, quando o superávit era de US$ 4,204 bilhões.

Tudo o que sabemos sobre:
Balança comercialsuperávitMDCI

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.