coluna

Dan Kawa: Separar o ruído do sinal é a única forma de investir corretamente daqui para a frente

Superávit da balança cresce 122% e é terceiro melhor do ano

O saldo da balança comercial na segunda semana de agosto registrou um superávit de US$ 1,453 bilhão. Conforme divulgou nesta segunda-feira o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, esse é o terceiro melhor resultado no ano, perdendo apenas para a primeira semana de julho, quando o superávit foi de US$ 1,693 bilhão e para a quinta semana de junho, quando o saldo foi de US$ 1,602 bilhão. Na comparação com a primeira semana, que teve apenas quatro dias úteis e atingiu US$ 653 milhões, o superávit da balança comercial no período de 7 a 13 de agosto foi 122,5% maior. As exportações no período somaram US$ 3,158 bilhões (média diária de US$ 631,6 milhões), e as importações foram de US$ 1,705 bilhão (média diária de US$ 341 milhões). O superávit acumulado no mês é de US$ 2,106 bilhões e o saldo acumulado da balança no ano passou para US$ 27,275 bilhões. Em relação a agosto de 2005, a média das exportações agora em 2006 subiu 24,8% e das importações, 14,1%. Mas na comparação com julho, a média das exportações registrou uma pequena queda de 5,1%, enquanto que a média das importações registrou também um pequeno crescimento, de 0,4%. No acumulado do ano, a média diária das exportações é 15,9% maior do que em 2005, enquanto que a média das importações registrou um crescimento maior, de 23,2%.

Agencia Estado,

14 de agosto de 2006 | 11h41

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.