Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Superávit da balança deve atingir US$ 4 bilhões em setembro

O superávit da balança comercial em setembro deverá atingir US$ 4 bilhões, com US$ 12 bilhões de exportações e US$ 8 bilhões em importações, segundo estimativa do secretário de comércio exterior do Ministério do Desenvolvimento, Armando Meziat. Ele confirmou que está em estudo a revisão, para cima, da meta de exportações de US$ 132 bilhões definida pelo Ministério para 2006.Meziat apresentou as estimativas no Seminário Bilateral de Comércio Exterior e Investimentos Brasil-Suécia, realizado nesta segunda-feira no Rio. Segundo lembrou ele, os dados da balança em setembro apontavam até a semana passada uma média diária de exportações de US$ 613 milhões.Em agosto, a balança comercial do País apresentou um superávit de US$ 4,5 bilhões. José Augusto de Castro, vice-presidente da Associação de Comércio Exterior do Brasil (AEB), disse que as estimativas estão plenamente coerentes com os resultados que vêm sendo apresentados na balança de setembro.Segundo ele, as exportações e importações mantêm um forte ritmo de crescimento por causa do ótimo desempenho dos preços das commodities e os resultados da balança em setembro serão puxados por petróleo, minério de ferro e produtos metalúrgicos como ferro e aço.Para o ano, Augusto de Castro lembrou que o ministro do Desenvolvimento, Luis Fernando Furlan, já disse que as exportações deverão fechar 2006 totalizando US$ 134 bilhões. A atual projeção da AEB é que as exportações neste ano somem US$ 127 bilhões, mas o vice-presidente da instituição admite que, no atual ritmo, será "tranqüilo" atingir as expectativas do Ministério.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.