Superávit em conta corrente cai 54,5% no Japão em abril

Em março, o superávit japonês já tinha caído 48,8% no anualizado: tendência de baixa

Efe,

07 de junho de 2009 | 23h50

O superávit em conta corrente do Japão (diferença entre entradas de fontes estrangeiras e os pagamentos que realiza ao estrangeiro, excluindo o investimento líquido de capital) caiu em abril ao ritmo de 54,5%, em relação ao mesmo mês do ano anterior, para 630,5 bilhões de ienes (US$ 6,391 bilhões), informou neste segunda-feira, 8, o governo japonês.

 

Segundo relatório do Ministério das Finanças recolhido pela agência local de notícias Kyodo, os dados são um reflexo da moderação do ritmo de queda das exportações, fundamentais para a segunda economia do mundo.

 

O balanço do comércio de bens e serviços do Japão registrou um déficit de 287,3 bilhões de ienes (US$ 2,912 bilhões), seu primeiro déficit nos últimos três meses.

 

Enquanto isso, o excedente no comércio de mercadorias caiu 69,2%, para 184,3 bilhões de ienes (US$ 1,868 bilhão).

 

As exportações caíram 40,6% em abril, para 3,91 trilhões de ienes (US$ 39,635 bilhões), devido a que as exportações de produtos tecnológicos e automobilísticos continuaram mostrando sinais de fraqueza.

Por sua parte, as importações retrocederam 37,8%, para 3,73 trilhões de ienes (US$ 37,810 bilhões).

 

Em março, o superávit japonês já tinha caído 48,8% anualizado e de fato continua registrando uma tendência de baixa desde fevereiro de 2008.

Tudo o que sabemos sobre:
Japãoconta corrente

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.