Superávit em conta corrente do Japão sobe a US$ 15,7 bi

O superávit em conta corrente do Japão cresceu pelo terceiro mês consecutivo em outubro. A forte demanda por produtos japoneses na Ásia serviu de base para um ganho recorde no superávit comercial, informou o Ministério das Finanças do Japão nesta terça-feira. Mas as baixas taxas de juros associadas a um iene forte continuaram a arrastar para baixo o rendimento no exterior. Ao mesmo tempo, a procura interna estagnada acabou se traduzindo em importações fracas.

AE-DOW JONES, Agencia Estado

08 de dezembro de 2009 | 05h51

O superávit em conta corrente subiu 42,7% em outubro sobre o mesmo mês do ano passado, para 1,398 trilhão de ienes (US$ 15,71 bilhões), segundo dados do ministério. Num sinal positivo para uma economia dependente das exportações, o ganho foi, em grande parte, devido a um aumento no superávit comercial de cerca de sete vezes em relação ao mesmo mês do ano anterior. O superávit aumentou de 136,6 bilhões de ienes em outubro de 2008 para 949,0 bilhões de ienes no mês retrasado - o maior aumento em um ano, desde que o Ministério das Finanças iniciou a comparação dos dados, em 1986. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
JAPÃOECONOMIA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.