Superávit primário acumulado em 12 meses é o melhor desde 91

O chefe do Departamento Econômico (Depec) do Banco Central (BC), Altamir Lopes, disse hoje que o superávit primário - arrecadação menos os gastos, exceto o pagamento de juros - do setor público consolidado de R$ 86,285 bilhões acumulado em 12 meses até fevereiro foi o melhor já registrado desde o início da série histórica em 1991.Ele destacou ainda que o resultado em 12 meses, como proporção do PIB, foi o melhor para meses de fevereiro desde o início da série histórica. De acordo com os dados do Depec, o superávit primário acumulado em 12 meses até fevereiro correspondia a 4,80% do PIB. A meta fiscal para o ano está fixada em 4,25% do PIB.Resultado de fevereiroAs contas do setor público apresentaram em fevereiro um superávit de R$ 4,046 bilhões. O resultado ficou dentro das estimativas do mercado, que iam de R$ 2,8 bi a R$ 6,5 bi, com média em R$ 4,15 bi. O dado foi superior ao registrado em fevereiro de 2004, de R$ 3,295 bi, mas foi inferior ao de janeiro deste ano, quando o superávit foi de US$ 11,373 bi.No acumulado do primeiro bimestre, as contas do setor público acumulam um superávit primário de R$ 15,419 bilhões, o equivalente a 5,18% do PIB. O resultado é superior ao superávit de R$ 10,246 bilhões obtido no primeiro bimestre do ano passado, o que correspondia a 3,93% do PIB.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.