Supermercados têm salto de 13,8% em vendas de março

No acumulado do primeiro trimestre do ano, o faturamento real do setor registrou alta de 10,26%

LORENA VIEIRA, Agencia Estado

23 de abril de 2008 | 11h56

As vendas reais (descontada a inflação) dos supermercados tiveram alta de 13,84% em março deste ano, na comparação com o mesmo mês de 2007, segundo a Associação Brasileira de Supermercados (Abras). Em relação a fevereiro, a expansão foi de 16,7%, também em valores reais. No acumulado do primeiro trimestre do ano, o faturamento real do setor registrou alta de 10,26%.De acordo com o presidente da entidade, Sussumu Honda, um dos principais fatores para o desempenho das vendas em março foi o efeito calendário, já que a Páscoa, segunda melhor data em vendas para os supermercados, ocorreu no terceiro mês do ano, ao invés de em abril, como em 2007. Segundo ele, o ambiente econômico mantém-se positivo, refletindo o aumento do consumo das famílias e também a maior venda de alimentos.Em março, as vendas em valores nominais (sem descontar a inflação) dos supermercados aumentaram 19,22% sobre igual mês de 2007. Sobre fevereiro deste ano, o avanço foi de 17,26%. No acumulado do trimestre, também nesse critério, a alta foi de 15,38%.A Abras divulgou também os números finais de faturamento de 2007. A associação confirmou um faturamento de R$ 136 bilhões no ano passado, o que representou um aumento real de 6% e nominal de 9,8% em relação a 2006.

Tudo o que sabemos sobre:
Supermercados

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.