SUS distribuirá gratuitamente o remédio Glivec

O Ministério da Saúde passará a fornecer gratuitamente o medicamento Glivec a todos os pacientes com Leucemia Mielóide Crônica (LMC) que tenham indicação médica para o uso da nova droga de combate à doença. Depois de um impasse nas negociações com o laboratório Novartis, o Ministério da Saúde conseguiu uma redução de 33% no preço, que caiu de US$ 2.400 para US$ 1.620 mensais por paciente.Atualmente há 1.558 pacientes com LMC em tratamento pelo SUS. Destes, há indicação do Glivec para 380 pacientes (294 na fase inicial da doença e 86 na fase avançada). A estimativa de gasto do Ministério no tratamento dessas pessoas é de US$ 8.223.061,68 por ano.O acordo prevê também que o laboratório doará o medicamento a 250 dos atuais 380 doentes até março de 2002. A economia negociada na aquisição do Glivec chega, com a redução de 33% no preço, a quase US$ 4 milhões por ano, além de mais US$ 1 milhão com a doação de medicamentos para 250 doentes até março de 2002.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.