Suzano pode ter crédito do BNDES

O conselho de administração da Suzano Papel e Celulose autorizou, em reunião no último dia 22, a abertura de limite de crédito no valor de R$ 705 milhões com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Segundo a ata da reunião, enviada à Comissão de Valores Mobiliários, os recursos podem ser investidos na produção e em ativos da sociedade. Os imóveis da empresa foram apresentados como garantia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.