Divulgação
Divulgação

Suzano registra lucro líquido de R$ 199 milhões no segundo trimestre

Resultado representa uma queda de 79% na comparação com igual período do ano passado

Marcelle Gutierrez, O Estado de S.Paulo

02 Agosto 2017 | 19h32

A Suzano Papel e Celulose registrou lucro líquido de R$ 199 milhões no segundo trimestre de 2017, uma queda de 79,2% na comparação com o mesmo período de 2016. No acumulado dos seis primeiros meses de 2017, o lucro totaliza R$ 649 milhões, um recuo de 68,8% ante igual intervalo de 2016.

De abril a junho deste ano, o Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado somou R$ 1,157 bilhão, um crescimento de 19,6% ante o mesmo período do ano passado. A margem Ebitda ajustada no intervalo passou de 38,6% para 45,7%. No primeiro semestre de 2017, o Ebitda ajustado totalizou R$ 2,004 bilhões, uma queda de 10,4% ante 2016, e a margem Ebitda recuou de 42,9% para 41,9%.

++ Migração da Suzano para o novo mercado joga holofotes na Vale

A Suzano reportou receita líquida de R$ 2,530 bilhões no segundo trimestre de 2017, um leve incremento de 1,1% ante mesmo período de 2016. No acumulado de janeiro a junho deste ano, a receita foi de R$ 4,784 bilhões, queda de 8,2%.

O resultado financeiro ficou negativo em R$ 678 milhões, ante um valor positivo de R$ 773 milhões no segundo trimestre de 2016.

 

Mais conteúdo sobre:
Celulose Suzano Papel e Celulose

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.