Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Swiss Air anuncia prejuízo de US$ 156 milhões

A Swiss International Air Lines, anunciou um prejuízo líquido de 200 milhões de francos suíços (US$ 156 milhões) no primeiro trimestre até 31 de março de 2003, em relação ao prejuízo líquido de 199 milhões de francos suíços em igual período do ano passado e alertou que precisará realizar reduções de custos maiores do que o antecipado durante os próximos meses a fim de se adaptar ao fraco cenário do mercado. As vendas no trimestre subiram para 1,04 bilhão de francos suíços (US$ 783,4 milhões), de 489 milhões de francos suíços em 2002. A companhia aérea atribuiu o resultado do período ao impacto da guerra no Iraque e a Síndrome Respiratória Severa Aguda (Sars) e alertou que poderá registrar um prejuízo líquido de 100 milhões de francos suíços (US$ 78 milhões) no segundo trimestre devido ao contínuo impacto da Sars sobre o tráfego aéreo. A posição de caixa ficou em 913 milhões de francos suíços (US$ 712,4 milhões) no final do primeiro trimestre, em comparação com 1,2 bilhão de francos suíços em 2002. A Swiss, que estima continuar no vermelho em 2003 antes de atingir o equilíbrio financeiro em 2004, disse que precisará cortar ainda mais os custos além do plano de redução de custos de 600 milhões de francos suíços (US$ 468,2 milhões) anunciado em abril, porém não forneceu maiores detalhes. A companhia divulgará seu novo plano de negócios no final de junho. A mídia informou ontem que a Swiss poderá cortar até 3.000 empregos e diminuir sua frota de longo alcance, de 26 para 18 aviões.

Agencia Estado,

27 de maio de 2003 | 08h14

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.