Taiwan inicia a semana em queda de 2,69%

A ansiedade sobre a recuperação do setor de tecnologia e da economia em geral foi o fator que levou à queda de 2,69% (4.457,16 pontos), o pior resultado em um ano da bolsa de Taiwan. Investidores estrangeiros realizaram fortes vendas de papéis do setor de eletrônicos, influenciados pela queda do índice de sentimento do consumidor da Universidade de Michigan. Seul caiu 1,92% com a baixa de ações do setor financeiro, puxadas pelo aumento da inadimplência no pagamento de cartões de crédito. Já o mercado filipino encerrou hoje seu pregão em alta de 0,40%, com a possibilidade de aliança entre a SM Prime e a San Miguel. Não houve negociações hoje em Tóquio por ser feriado nacional. No intervalo dos negócios, as demais bolsas do sudeste asiático registravam: Hong Kong: -1,24%; Indonésia: -0,51%; Malásia: -0,19%; Tailândia: -0,67% e Cingapura: -0,30%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.